Monthly Archives: Maio 2019

PortoCartoon no “Península”
com Caricaturas de Amália
XXPC_Amalia_1oPremio_Portugal_AntonioSantosSANTIAGU O Península Boutique Center, no Porto, vai mostrar, de 25 de maio a 16 de junho, dezenas de caricaturas sobre Amália Rodrigues, a cantora mais internacional de Portugal.

A exposição patente neste centro comercial destaca os trabalhos premiados na edição de 2018 do PortoCartoon-World Festival, organizado pelo Museu Nacional da Imprensa, em parceria com o “Península”.

O primeiro prémio desta edição foi conquistado pelo artista português António Santos-Santiagu, o segundo por Matias Montedoro (Espanha) e o terceiro por Aurélio Mesquita (Portugal). Foram também atribuídas Menções Honrosas a trabalhos recebidos de artistas de renome  internacional, cmo Pauo Caruso (Brasil).

Uma boa parte dos desenhos relevam o aparelho vocal da diva do fado e expressam uma multiplicidade de características da cantora, cujo centenário do nascimento se celebra em 2020.

Os prémios especiais de caricatura do PortoCartoon foram lançados em 2013 e todos os anos distinguem diferentes figuras públicas nacionais e internacionais. Antes de Amália, foram alvo dos lápis dos caricaturistas Chaplin, Picasso, Hemingway, Saramago, Manoel Oliveira, Siza Vieira e Cristiano Ronaldo, entre outros.

PortoCartoon mostra humor de S. Paulo
no Via Catarina
Salao_Piracicaba_Trab_Cau_Gomez

O PortoCartoon 2019 estende-se ao Via Catarina, com uma exposição do Salão de Humor de Piracicaba (S. Paulo), um dos mais antigos do mundo.

Abertura a 21 de maio, às 17horas, com cartunista brasileiro Luiz Carlos Fernandes.

Dezenas de desenhos mostram o melhor humor da 45ª edição do Salão Internacional da Piracicaba, em S. Paulo, no âmbito de uma parceria com o PortoCartoon, organizado pelo Museu Nacional da Imprensa. Trata-se de um conjunto de cartuns, charges, tiras e caricaturas selecionadas da exposição competitiva daquele certame em 2018.

Esta edição tocou diferentes temas, como as autoridades políticas, o drama dos refugiados, a justiça, a tecnologia, as redes sociais e o ASSÉDIO.

A exposição preparada para o centro comercial Via Catarina destaca este tema de repercussão mundial. As vertentes sexual, moral e virtual do ASSÉDIO são tratadas por vários artistas, constituindo uma boa pista para reflexões sobre o tema.

O ‘Via Catarina’ tem sido o local escolhido para as exposições vindas do Brasil, na base de um protocolo assinado entre o Museu Nacional da Imprensa e a Câmara Municipal de Piracicaba. Anualmente, desde 2005, o PortoCartoon-World Festival também tem estado presente no Salão de Piracicaba, reforçando as relações fraternas de humor entre os dois salões e países. Tal como tem acontecido em edições anteriores, também esta exposição contará com a presença de um artista brasileiro, neste caso Luiz Carlos Fernandes, participante habitual do Salão brasileiro e vencedor do Prémio Especial de Caricatura Bob Dylan (do PortoCartoon 2019), cuja mostra está patente em Matosinhos, de 18 de maio a 9 de junho.

O artista brasileiro está também representado nesta mostra com um Grande Prémio.

O Salão Internacional de Humor de Piracicaba surgiu em 1974, em plena ditadura militar brasileira, por iniciativa de um grupo de piracicabanos – jornalistas, artistas e intelectuais – atuantes no cenário político e cultural da cidade. Funciona sob a responsabilidade da Câmara Municipal (Prefeitura) daquela cidade do norte de S. Paulo, constituindo um espaço de revelação de novos talentos. Ao mesmo tempo, ele mostra os profissionais consagrados, como Jaguar, Ziraldo e os irmãos Caruso que já estiveram no Porto.

Humor sobre Direitos Humanos
em exposição no “Mercado do Bom Sucesso”
70Anos_direitoshumanos

Vai ser inaugurada, no dia 17 de maio , às 18 H, na Fundação Manuel António Mota, no Mercado do Bom Sucesso, uma grande exposição de cartoons sobre Direitos Humanos.

A exposição, organizada pelo Museu Nacional da Imprensa (MNI) e promovida pela Fundação Manuel António Mota, reúne cerca de 200 trabalhos de artistas de 50 países e constitui uma oportunidade de celebrar o 70º aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos, adotada pela ONU a 10 de dezembro de 1948, em Paris.

A evocação iniciou-se na sede do MNI, em dezembro do ano passado, com desenhos de várias edições do PortoCartoon e espalhou-se por diversos países, de Portugal ao México. Neste contexto, criou-se uma “Rota do Humor pelos Direitos Humanos”, como forma de sublinhar a importância do cartoon como linguagem que contribui para a reflexão sobre grandes causas da humanidade.

Cartunistas relevantes, vencedores de vários prémios em certames internacionais, estão representados nesta mostra que ficará patente na Fundação Manuel António Mota até 19 de julho.

No Museu, a exposição sobre Direitos Humanos cresce mensalmente com novos desenhos, e ficará patente até dezembro de 2019, tornando-se assim numa forma contínua de celebração dos 70 anos da Declaração.

Esta mostra internacional, com a curadoria do diretor do Museu, Luiz Humberto Marcos, tem o apoio institucional da Comissão Nacional UNESCO.