Museu da Imprensa apresenta
M. A. Pina na Biblioteca da Guarda
MAP_ALuzDasPalavras_Guarda2019

 

 

Abre no dia 28 de março, na Biblioteca Municipal da Guarda, uma exposição documental sobre a vida e obra de Manuel António Pina, organizada pelo Museu Nacional da Imprensa (MNI). “A Luz das Palavras”, assim se denomina a mostra, retoma uma iniciativa apresentada naquele museu, em 2012, pouco depois da morte do jornalista e escritor.

A exposição insere-se na programação da Biblioteca, que dedica os meses de março e abril a Manuel António Pina, através da organização de diversos eventos.

Com a curadoria de Luiz Humberto Marcos,  a exposição destaca três vertentes do autor, natural do distrito da Guarda: Jornalismo, Poesia e Literatura Infantil.

Para cada um destes campos, há documentação variada, livros, cartazes e diversos recortes de imprensa, designadamente as últimas crónicas editadas pelo Jornal de Notícias, em agosto de 2012.

Contextualizando o facto de a mostra estar patente na Biblioteca que tem o nome de Eduardo Lourenço, registe-se que é apresentado um texto deste filósofo e ensaísta sobre Manuel António Pina, que não constava da exposição inicial.

A mostra resulta de uma iniciativa da Biblioteca e ficará patente até 18 de maio, na Sala Tempo e Poesia, integrando-se na política de descentralização cultural praticado pelo MNI desde a sua abertura (1997).